- Adufrj - https://adufrj.org.br -

Prédio da reitoria fica no escuro por 70 horas

(Última atualização em: 22/12/2017)

O prédio da reitoria ficou sem luz por quase três dias. A concessionária Light cortou a energia na sexta-feira (15), às 16h45, alegando atraso nos pagamentos das faturas. Na mesma data, a UFRJ conseguiu uma liminar na Justiça para reativar o serviço onde funcionam unidades acadêmicas e parte da administração central. A força foi religada na segunda-feira, por volta das 14h.

“A princípio, viola a Light a Resolução 414/2010 da Aneel, ao ameaçar a autarquia com corte de energia elétrica por dívida recente, colocando toda a comunidade acadêmica em risco iminente de paralisação de serviços essenciais”, diz trecho da liminar assinada pelo juiz Rogério Tobias de Carvalho, da 28ª Vara Federal.

A UFRJ informa que, em 2017, duas faturas estão em aberto: do mês de outubro, vencida no final de novembro, e novembro, ainda dentro do prazo de pagamento, até o final de dezembro. A universidade também reconhece o débito de setembro e outubro de 2016. Mas argumenta que esta dívida ainda aguarda recursos adicionais prometidos pelo Ministério da Educação.

A Light não respondeu aos questionamentos da reportagem até o fechamento da edição.

Calendário sem mudança

De acordo com a direção da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, uma das unidades prejudicadas pelo corte de luz, o calendário acadêmico não será alterado. Alguns professores reprogramaram atividades ou improvisaram para garantir o fim das aulas até o dia 22.