Lucas Abreu
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Nas ruas, mas sem aglomerações. Assim foram as celebrações do 8 de março da AdUFRJ, que preparou projeções com homenagens às mulheres da Ciência e exibiu em pontos do Rio e de outras cidades do Brasil ao longo da semana passada. As projeções exaltavam o papel da mulher na academia e reivindicavam mais inclusão no meio científico. A ação foi fruto de uma parceria entre a AdUFRJ e o Observatório do Conhecimento e contou com o apoio de outras associações docentes e sindicatos de todo o país.

“As projeções, quando filmadas, produzem imagens de alto impacto”, observou a professora Christine Ruta, do Instituto de Biologia, diretora da AdUFRJ e idealizadoraWhatsApp Image 2021 03 12 at 19.31.021 da manifestação. “É como se a AdUFRJ estivesse ocupando momentaneamente aquele espaço. Em ocasiões usuais ocuparíamos a rua. Mas, por enquanto, estamos ocupando alguns prédios”, justificou a professora, lembrando o momento que vive o mundo. “Em tempos sem pandemia, muitas ações podem ser pensadas, mas atualmente temos que ter criatividade para explorar ações sem aglomerações”, pontuou.

Christine Ruta ressaltou a importância de homenagear as mulheres cientistas. “Historicamente, a Ciência tem sido um lugar masculino, com raras exceções. Hoje estamos em um processo de reverter esse cenário, e é importante mostrar que a mulher tem ocupado cada vez mais espaços em todos os ramos da Ciência”, defendeu. “Estamos trabalhando para que Marie Curie, Hipácia, Bertha Lutz e outras não sejam mais exceções”.

As projeções ocuparam os paredões externos do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, na Ilha do Fundão, a Escola de Música, na Lapa, e o Campus Macaé da UFRJ. Ganharam também as ruas de São Paulo, Campinas, Salvador e Recife, graças ao trabalho dos sindicatos locais (respectivamente ADUFABC, ADUNICAMP, APUB e ADUFEPE). As projeções foram filmadas, e o resultado do trabalho é um vídeo de quatro minutos com as imagens embaladas pela música “Dentro de cada um”, interpretada por Elza Soares. Você pode assistir ao vídeo em youtube.com/adufrj.

WhatsApp Image 2021 03 12 at 19.31.032A estimativa dos organizadores da iniciativa é de que o vídeo com as projeções tenha sido visto por mais de 40 mil pessoas nas redes sociais, com mais de 2.800 comentários, um resultado considerado excelente pelo grupo. Mas Christine Ruta ainda chama atenção para outro impacto importante da ação. “Em termos de política sindical, esta campanha também foi extremamente positiva, uma vez que articulou diversas ADs do Brasil, que representam uma grande diversidade de posições no movimento dos professores”, defendeu a professora.

Topo